Por unanimidade, TSE indefere registro e Luiz Caetano perde novo mandato

Compartilhar:

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) indeferiu hoje, à unanimidade, o registro da candidatura do deputado federal Luiz Caetano (PT) com base na Lei da Ficha Limpa. Com isso, quem deve assumir em seu lugar é o primeiro suplente, Charles, de Guanambi, que, como também tem problemas com a Justiça e chegou a concorrer com o registro indeferido, pode ser impossibilitado de fazê-lo, abrindo espaço para a posse do petista Joseildo Ramos.

Apesar de condenado por improbidade, Caetano teve o registro de sua candidatura deferido pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE), mas a decisão foi contestada pelo Ministério Público Eleitoral e a coligação adversária, que recorreram da decisão ao TSE.

Fonte: PL

Compartilhar:

Aviso:

Os Comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Catu Notícias.

É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ou direitos de terceiros.

Comentários postados que não respeitem os critérios, poderão ser removidos sem prévia notificação.

Deixe seu Comentário