Após início da propaganda eleitoral, Lula cai e empata com Bolsonaro, aponta BTG Pactual

Compartilhar:

O primeiro levantamento de intenção de voto feito após o início da propaganda eleitoral na TV e no rádio indica uma queda acima da margem de erro no percentual de intenção de votos do ex-presidente Lula no cenário espontâneo, em que não são apresentados os nomes dos candidatos.

De acordo com o estudo, o resultado é 1 empate com o candidato do PSL, Jair Bolsonaro, ambos com 21%. No mesmo cenário da pesquisa BTG/FSB realizada há uma semana, Lula tinha 26% e Bolsonaro, 19%. Os outros candidatos aparecem todos empatados na margem de erro, com menos de 5%.

Já no cenário em que os nomes dos candidatos são apresentados aos entrevistados, Lula se mantém isolado na liderança.

Na pesquisa estimulada feita nos dias 25 e 26 de agosto, Lula tinha 35% e Bolsonaro 22%. Agora, na realizada em 1º e 2 de setembro, Lula registra 37% das intenções de voto contra os mesmos 22% do militar. Eis uma comparação dos 2 resultados:

No cenário com Haddad como candidato petista, Bolsonaro lidera com 26%, bem à frente de Ciro Gomes (PDT), que tem 12%, Marina Silva (Rede), com 11% e Geraldo Alckmin (PSDB), com 8%. Fernando Haddad pontua apenas 6%.

Nos dois cenários, o tucano Geraldo Alckmin aparece empatado na margem de erro com outros candidatos em 3º lugar. Pontua de 6% a 8%, sem apresentar crescimento nos primeiros dias da campanha eleitoral.

O levantamento da FSB Pesquisa, contratado pelo BTG Pactual, ouviu 2.000 pessoas em 27 unidades federativas nos dias 1º e 2 de setembro. A margem de erro é de 2,0 pontos percentuais e o nível de confiança é de 95%. O registro no TSE é BR-01057/2018.

Fonte: BN

Compartilhar:

Aviso:

Os Comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Catu Notícias.

É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ou direitos de terceiros.

Comentários postados que não respeitem os critérios, poderão ser removidos sem prévia notificação.

Deixe seu Comentário