Eleições 2018: Haddad admite risco em estender pré-candidatura de Lula

Compartilhar:

O ex-prefeito de São Paulo e coordenador do plano de governo de Lula, Fernando Haddad (PT) admitiu que há riscos na estratégia de estender a pré-candidatura do ex-presidente. Em entrevista à rádio Metrópole, na manhã desta quarta-feira (1º), ele disse que o PT tentará registrar a candidatura no dia 15.

“É verdade quando se diz que o PT está usando uma estratégia arriscada. Mas se estamos convencidos de que Lula é inocente e é o candidato da maioria da população, como vamos abrir mão de Lula?  Ele está conosco há 50 anos. Com 30 anos era presidente do sindicato. O homem tem 72. Nunca ele foi atacado na honra, como tem sido atacado nos últimos anos. Como é que se pode abrir mão de uma liderança da qualidade de Lula? Você vai abrir mão do Lula em nome dessa perseguição que ele está sofrendo? Com todo o risco, que é real, não há a menor condição de a gente abrir mão da liderança de Lula”, disse Haddad.

Segundo o petista, “há uma jurisprudência que garante o registro do seu nome [de Lula]”. “O plano de governo está pronto. É um plano ousado, que tira o país da crise. Vamos fazer uma mudança tributária que vai garantir que os pobres paguem menos impostos”, acrescentou.

Fonte: BN

Compartilhar:

Aviso:

Os Comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Catu Notícias.

É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ou direitos de terceiros.

Comentários postados que não respeitem os critérios, poderão ser removidos sem prévia notificação.

Deixe seu Comentário