General Floriano Peixoto vai ocupar interinamente ministério de Bebianno

Compartilhar:

O presidente Jair Bolsonaro convidou o general da reserva Floriano Peixoto a assumir interinamente o ministério ocupado por Gustavo Bebianno (Secretaria-Geral), que tem a exoneração prevista para hoje (18).

Caso seja executado, o plano vai reforçar a presença dos militares no Planalto, fazendo com que o ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, seja o único civil entre os quatro ministros que despacham no palácio. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

No sábado, Bolsonaro chamou Peixoto e o também general Maynard Santa Rosa, que atuam na equipe de Bebianno, para uma conversa na qual explicou a eles seus motivos para afastar o ministro e os convidou a permanecer. Assim como Peixoto, Santa Rosa também aceitou ficar na Secretaria de Assuntos Estratégicos, cargo subordinado à Secretaria-Geral.

O objetivo de um setor do governo é que a saída de Bebianno sirva como uma oportunidade para que Bolsonaro reduza o número de ministérios, hoje em 22. Durante a campanha, o presidente prometeu ter apenas 15.

Fonte: M1

Compartilhar:

Aviso:

Os Comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Catu Notícias.

É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ou direitos de terceiros.

Comentários postados que não respeitem os critérios, poderão ser removidos sem prévia notificação.

Deixe seu Comentário