Mercado reduz para R$ 126 bilhões previsão de rombo nas contas do governo em 2018

Compartilhar:

Analistas das instituições financeiras baixaram a estimativa para o déficit primário das contas do governo neste ano para R$ 126,062 bilhões.A projeção foi divulgada pelo Ministério da Fazenda nesta quinta-feira (13) por meio do chamado Prisma Fiscal.

A estimativa do mercado financeiro é inferior à meta para o resultado das contas públicas autorizada pelo Congresso e que o governo precisa perseguir neste ano, que é de rombo de até R$ 159 bilhões.

O resultado mostra que os analistas creem no cumprimento da meta fiscal de 2018.No levantamento anterior, divulgado em novembro, os economistas previam um déficit fiscal das contas do governo neste ano de R$ 131 bilhões.

Nos últimos meses o mercado tem reduzido as projeções para o déficit primário.

O rombo, ou déficit primário, se dá quando as despesas do governo superam as receitas com impostos e tributos. Por ser primário, não considera os gastos com pagamento dos juros da dívida pública.

Compartilhar:

Aviso:

Os Comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Catu Notícias.

É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ou direitos de terceiros.

Comentários postados que não respeitem os critérios, poderão ser removidos sem prévia notificação.

Deixe seu Comentário