Relator propõe reduzir de R$ 3,8 bi para R$ 2 bi valor do fundo para custear campanha eleitoral

Compartilhar:

O relator-geral do Orçamento de 2020, deputado Domingos Neto (PSD-CE), decidiu nesta segunda-feira (16) propor uma redução de R$ 3,8 bilhões para R$ 2 bilhões no valor do fundo que vai financiar as campanhas eleitorais em 2020.

O novo valor vai constar do parecer final do Orçamento, que está sendo finalizado e será protocolado até esta terça-feira (17). O parecer deverá ser votado nesta terça-feira (17) pela Comissão Mista de Orçamento e pode ir à votação no plenário do Congresso no mesmo dia.

A proposta de R$ 3,8 bilhões para custear as eleições municipais do ano que vem constava do parecer preliminar do relator, aprovado no último dia 4 na Comissão Mista de Orçamento.

Com a redução para R$ 2 bilhões, o valor do fundo volta ao patamar inicialmente previsto pelo governo federal na proposta original de Orçamento, revisada pelo Executivo em novembro.

“Nós vamos manter a proposta que veio do governo, de R$ 2 bilhões, que veio na mensagem modificativa de novembro. Falei com a grande maioria dos líderes, presidentes de partidos, para que a gente pudesse construir um consenso em torno do tema de que manter a proposta do governo, neste momento, é o cenário ideal para que a gente possa também garantir que tenhamos consenso dentro da Casa, porque a votação do Orçamento é algo fundamental para o país”, afirmou o relator.

G1

Compartilhar:

Aviso:

Os Comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Catu Notícias.

É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ou direitos de terceiros.

Comentários postados que não respeitem os critérios, poderão ser removidos sem prévia notificação.

Deixe seu Comentário