Três empresas devem gerar 670 novos postos de trabalho na Bahia

Compartilhar:

Três empresas do ramo de eletricidade e gás, eletroeletrônicos e plásticos deverão instalar unidades na Bahia nos próximos anos, gerando 668 novos empregos. A expectativa é que o estado receba R$ 211,5 milhões em investimentos com os novos empreendimentos, que vão beneficiar os municípios de Camaçari, Feira de Santana, Poções, Planalto, Caatiba, Itambé e Macarani. O anúncio foi feito ontem (5) pelo vice-governador e titular da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE), João Leão, durante a assinatura de protocolos de intenções.

Na região Sudoeste, a empresa Interligação Elétrica Paraguaçu está investindo R$ 171 milhões na construção de novas linhas de transmissão de energia, o que gera cerca de 500 empregos diretos na construção civil.

Em Camaçari, a empresa Aptar do Brasil Embalagens chega à Bahia devido a uma parceria com o Boticário. A unidade, que receberá investimentos de R$ 40 milhões, será instalada próxima à fábrica de cosméticos e terá capacidade de produzir cerca de 65 milhões de peças/ano. No início da operação serão gerados 60 empregos diretos, podendo chegar a até 150.

Já em Feira de Santana, a Dicomp Distribuidora de Eletrônicos pretende investir R$ 500 mil na implantação de uma unidade para produção de material óptico. A empresa, com matriz em Maringá, no Paraná, atende todo o Brasil e alguns países do Mercosul.

Fonte: M1

Compartilhar:

Aviso:

Os Comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Catu Notícias.

É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ou direitos de terceiros.

Comentários postados que não respeitem os critérios, poderão ser removidos sem prévia notificação.

Deixe seu Comentário