312 pessoas foram assassinadas durante motim da PM no Ceará, diz governo

Compartilhar:

O Ceará registrou 312 assassinatos durante o motim de parte da Polícia Militar, segundo divulgou, nesta sexta-feira (6), a Secretaria da Segurança Pública do estado. O número de mortes violentas é referente ao período entre 19 de fevereiro e 1º de março, quando o motim terminou após um acordo entre o governo e os policiais.

A paralisação começou na noite de terça-feira (18). A média de homicídios entre 19 de fevereiro e 1º de março foi de 26 por dia. Antes do motim, a média de assassinatos no estado em 2020 era de 6 por dia.

Em todo o mês de fevereiro, foram 456 assassinatos, alta de 178% na comparação com os 164 registrados em fevereiro de 2019. O balanço mostra que foram registradas 292 vítimas a mais do que o registrado em fevereiro do ano passado.

Foi o mês de fevereiro mais violento desde o ano de 2013. O número de assassinatos durante o motim da PM representa 60% do total de homicídios ocorridos no mês.

Fonte: G1

Compartilhar:

Aviso:

Os Comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Catu Notícias.

É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ou direitos de terceiros.

Comentários postados que não respeitem os critérios, poderão ser removidos sem prévia notificação.

Deixe seu Comentário