Marielle: polícia quer prender acusado de obstruir investigação

Compartilhar:

Uma operação realizada hoje (10), no Rio de Janeiro, busca prender o bombeiro Maxwell Simões Correa, acusado de atrapalhar as investigações sobre a execução da vereadora Marielle Franco e de seu motorista, Anderson Gomes, em março de 2018.

A Operação Submersus 2 é do Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ), por meio do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco/MPRJ), e conta com o apoio da Coordenadoria de Segurança e Inteligência (CSI/MPRJ), da Corregedoria do Corpo de Bombeiros e em parceria com a Delegacia de Homicídios da Capital.

A operação cumpre mandados de busca e apreensão expedidos pelo Juízo da 19ª Vara Criminal da Comarca da Capital em dez endereços ligados a Correa e os outros quatro investigados já denunciadas ao Judiciário.

Compartilhar:

Aviso:

Os Comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Catu Notícias.

É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ou direitos de terceiros.

Comentários postados que não respeitem os critérios, poderão ser removidos sem prévia notificação.

Deixe seu Comentário